terça-feira , 12 novembro 2019

TALENTS NUTRITION – Ciência e esporte aliados na produção de suplementos mais eficientes

TALENTS NUTRITION

Ciência e esporte aliados na produção de suplementos mais eficientes

 

Por Andressa Rufino

 

A Talents Nutrition chegou ao mercado de nutrição esportiva com uma proposta diferente: apresentar ao consumidor informações nutricionais dos produtos de forma transparente e inovadora. Os rótulos simples trazem não apenas as informações nutricionais obrigatórias focadas nas dosagens das porções mas principalmente um  “Laudo Técnico”, que é a informação nutricional da matéria prima (ou composto) mais importante utilizada com detalhes sobre a origem do produto.

 

A curiosa abordagem vêm da experiência de Gustavo Schettert, faixa preta 5o grau de jiu-jitsu e PhD em Física. O esportista que buscava suplementos mais eficientes para sua dieta e performance decidiu agregar todo seu conhecimento no campo da ciência para proporcionar aos clientes uma experiência mais íntegra e satisfatória. Os detalhes dessa jornada intrigante você confere com exclusividade na Combat Sport.

 

Direito do consumidor

 

Para Gustavo, os rótulos limpos e técnicos tem como principal objetivo dar suporte ao conhecimento do consumidor sobre o que ele está de fato ingerindo, proporcionando atitudes mais assertivas com relação a sua alimentação, atendendo de forma mais clara as necessidades fisiológicas ou os objetivos de performance.

 

‘Toda formulação de qualquer linha da empresa tem um caráter mais científico. Se eu mostro do que ele é composto então eu também tenho que mostrar de onde ele veio, onde se vende, igual referência bibliográfica. Acredito que não é preciso esconder nada do consumidor, pelo contrário, é um direito dele de saber. Me sinto confiante que ele veja e saiba”, conta Schettert.

 

Para Gustavo é justamente essa oferta de informação de qualidade que falta para a indústria de suplementação agarrar de vez os consumidores. “Falta uma informação que vai além da estética, um pouco mais técnica, que envolve conhecimento mesmo. Nem todos que vão pra academia estão focados no espelho. Muitos querem e demandam qualidade de vida. A creatina da Talents Nutrition, por exemplo, foi a primeira a colocar no rótulo como referencia o portal CAPES e ela consegue ter acesso a pesquisas recentes e exatamente o que ele precisa saber sobre o nutriente para que ele tenha a performance desejada. Informação é muito importante e a população brasileira carece disso.”

Faixa preta 5º grau em Jiu Jitsu, PhD em Física e pós-graduado em engenharia de alimentos, Gustavo Schettert lança a linha de produtos Talents Nutrition, com alta qualidade e rotulagem inovadora.

Transferência de conhecimento

 

A proposta de trazer mais informação para o cliente vai além dos produtos. A Pesquisa e Desenvolvimento em Alimentos (P&D Food), nome comercial da Talents Nutrition, oferece treinamento gerencial e comercial para os revendedores dos produtos que queiram firmar parceria com a empresa.

 

“Transferimos expertise para construção de loja virtual e também como realizar registro de marca. Tudo é aberto e não é cobrado. Sabemos que é algo que já está disponível no mercado, por isso mesmo não tem porque cobrar e nada mais justo do que orientar a pessoa como ela deve proceder. Se ela deseja investir no mercado ela não é só um concorrente ela pode ser um parceiro também”, reforça Gustavo.

 

Perspectivas para o mercado

 

Schettert reforça que em vários países, principalmente nações que queiram atingir o chamado “bem estar social”, a cada dia que passa se amplia mais o número de praticantes de atividade física, seja por rotina ou por recomendação médica.

 

“Se pratica atividade física, provavelmente a pessoa vai se informar mais sobre como se alimentar melhor, como manter a dieta. Além disso a população naturalmente aumenta sua expectativa de vida, vai buscando mais saúde e procurando alimentos melhores. Os atletas também estão valorizando mais a competição e para disputar torneios você precisa de uma performance boa, então a alimentação passa a ser fundamental. Ou seja, é uma conduta geral”, explica.

 

Sempre ligado ao conteúdo técnico, Gustavo acompanha regularmente as novidades que envolvem a parte de produção e inovação tecnológica de alimentos.

 

“Nos Estados Unidos, por exemplo, para o Whey existe um laudo técnico que eles pedem baseado na composição do aminograma para dar a composição correta provando que o produto é Whey mesmo. Isso porque você pode pegar caseína e misturar com whey e vender como whey. Coisas assim ainda não chegaram aqui no Brasil, mas já estão ocorrendo no mercado e temos que ficar atentos para nos adequar o quanto antes”, conta.

 

Qualidade e preços acessíveis

 

A Talents Nutrition conta com centenas de produtos e formulações disponíveis no mercado, abrangendo alimentos proteicos, compensadores calóricos, bebidas energéticas, isotônicos, BCAA (Branched Chain Amino Acids) e amino ácidos. O valor acessível também é um dos principais atrativos que fazem da marca uma referência no mercado.

 

“Visamos construir relacionamentos de longo prazo. Quando nossos clientes ganham, nós também ganhamos. Por isso somos reconhecidos por nossas conquistas em categorias como diversidade, ética, excelência, inovação e integridade”, finaliza Gustavo.

 

Gustavo Schettert: Lições de vida de um apaixonado por ciência e esporte

 

A história de vida de Gustavo Schettert poderia facilmente ser descrita em uma coleção de livros com vários volumes. Nascido no dia 3 de março de 1969 na capital paulista, Plínio Gustavo Schettert começou a praticar esportes por influência do pai, campeão gaúcho de boxe. Na juventude experimentou tae kwon do, judô, boxe mas foi no jiu-jitsu onde acabou estendendo sua jornada já na vida adulta.

 

Sempre muito estudioso e com perfil analítico, cursou Física da USP até que em 1993 foi convidado para participar do projeto do submarino nuclear da Marinha. “Gostava muito de fazer contas, participei de muitas feiras de ciências. Apesar disso, nunca deixei de treinar, sempre gostei de praticar esportes, inclusive treinando um tempo na Combat Sport”, lembra.

 

O interesse em aprimorar os treinamentos de resistência e melhorar a performance para competir fizeram com que Gustavo seguisse para uma pós-graduação em engenharia de alimentos. Em 1995 teve a primeira experiência na produção de suplementos, mas o negócio acabou não indo pra frente. Em 1998 decidiu montar novamente a fábrica, criando novos produtos e marcas, focando em alimentos para praticantes de atividade física e também diabéticos. “Sempre gostei do processo de produção, até porque eu comprava então queria saber como poderia comercializar os produtos mais barato (risos)”, conta Gustavo.

 

Em 2002, Schettert sofreu uma tentativa de assalto que o fez perder metade do lado esquerdo do cérebro. As sequelas foram significativas e o paulista sofreu durante 12 anos com crises frequentes de epilepsia, chegando a tomar mais de 40 comprimidos de 7 medicamentos ao dia , que inclusive acarretaram em uma hepatite medicamentosa. A vontade de viver e também a ajuda de um grupo de amigos da faculdade fizeram com que Gustavo voltasse a estudar para estimular o cérebro, além de ajudar na busca por estudos e medicamentos que pudessem reverter o quadro médico e melhorar sua qualidade de vida.

 

“Em 2008 me indicaram um medicamento chamado levetiracetam, que ajudou a estabilizar as crises de epilepsia, controlando as convulsões que eram diárias. Ficava indo e voltando da Inglaterra pois no Brasil a ANVISA ainda não tinha liberado”, reforçou.

 

Gustavo seguiu firme nos estudos e com a epilepsia sob controle finalizou o doutorado. Aos poucos foi retornando gradativamente ao mercado de suplementação com uma nova fábrica. “Em 2017 recebi um convite para continuar na área acadêmica na Alemanha. Mas ai com o apoio de amigos comecei do zero de novo, projetei e construí o maquinário, fiz as formulações, registros, tudo. Ai surgiu a Schettert Pesquisa e Desenvolvimento, mas como comercialmente o nome não é fácil de pegar, virou PDFoods”, afirma o lutador, que também fez curso de inovação em alimentos e esta terminando o segundo doutorado em Food Science .

 

Gustavo Schettert dando aula nos Estados Unidos em 2005; na Universidade de Darmstadt, Alemanha, em 2008; com seu pai, Campeão gaúcho de Boxe em 1963.

Sobre combat@123

Check Also

Café da Manhã

Café da Manhã