quarta-feira , 1 abril 2020

Fisiculturismo: Marcelo Blade rumo ao Mundial da WFF

Marcelo Blade tem um objetivo claro para a temporada 2020. Subir ao pódio do Campeonato Mundial de Fisiculturismo da WFF (World Fitness Federation), marcado para os dias 7 e 8 de novembro em Bali, na Indonésia. A missão é desafiadora e a Combat Sport decidiu acompanhar de perto a preparação do paulista nesta jornada. A partir do mês de março faremos uma série de matérias falando sobre as etapas de treinamento do atual campeão brasileiro master até o principal evento da temporada. Confira agora a fase inicial do processo.
Planejamento
Marcelo Blade garantiu a vaga para o Mundial na Indonésia após alcançar o título do campeonato brasileiro de 2019 na categoria master. Aos 45 anos, o paulista ainda celebrou no ano passado o primeiro lugar no campeonato sul-americano em duas categorias diferentes (master 40 e master), além do troféu de campeão overall da Copa Lorena.
Em 2020, o plano A é participar de dois eventos grandes – o NPC Brasil, dia 21 de junho no Clube Concórdia em Campinas (SP), e o Sul-Americano NABBA/WFF em São Paulo (SP) -, utilizando-os como parte da preparação para o Mundial.
“Um campeonato lapida para o outro. Assim também podemos ver a evolução e corrigir os pontos falhos pois lá em Bali todo detalhe faz a diferença”, explica Marcelo.
Off Season
Nesta primeira fase, o atleta precisa ganhar mais volume muscular, portanto existe um consumo maior de nutrientes e a alimentação é focada em carboidratos para dar mais energia. Nos treinamentos utiliza-se carga máxima controlada.
“Não faço contagem do número de repetições, a ideia é executar o movimento até a fadiga do músculo, com pesos pesados, mas também com uma folga pra não lesionar pois isso afeta a temporada toda”, afirma Marcelo, que inclusive também contratou um fisioterapeuta para integrar sua equipe, buscando prevenir lesões, especialmente na região lombar.
“Fazemos uma sessão a cada 15 dias. Como faço muitos agachamentos e levantamento de peso, acaba sobrecarregando as costas”, reforça.
Todo dia, tudo diferente
A rotina de Marcelo é simples: Treino Aeróbico em jejum pela manhã e musculação a tarde. “De manhã faço bike pois tenho uma em casa, mas como moro em prédio, às vezes também utilizo as escadas para melhorar a saúde cardiorrespiratória”, explica.
No treinamento de musculação, que dura em média uma hora, cada dia um grupo muscular é trabalhado. As segundas peitoral, as terças posterior de coxa, as quartas costas, as quintas anterior de coxa, as sextas ombro e aos sábados bíceps e tríceps. Domingo a regra é descanso total.
“Fora isso, também estou dando mais ênfase ao trabalho de posterior de coxa e panturrilha. Costumo conversar com os árbitros após os eventos justamente para saber em que eu posso melhorar e esses dois pontos foram bastante citados”, conta Marcelo.
Treino de pose
Todos os dias após a musculação, Marcelo e o treinador Reginaldo Ribeiro, também conhecido como Régis, ficam pelo menos 30 minutos exercitando as poses que farão para os jurados.
“Essa parte do treino é sagrada. Se você não souber posar bem para os jurados, de nada adianta toda a preparação….”
“Muitas vezes um atleta que nem tem a melhor formação muscular pode vencer pois sabe mostrar melhor o corpo que outro, que pode estar bem mais desenvolvido”, reforça Marcelo.
Além disso, fazer o treino de poses após a sessão de musculação faz parte da estratégia para estar bem no palco. “Depois do treino, você está super cansado, uma situação crítica e bem parecida com o que vamos enfrentar no dia do evento. É comum que o atleta faça uma hiperidratação na semana antes da prova, consumindo mais água e diminuindo sal, para que na hora h ele esteja mais seco. Por isso no dia do evento é comum que alguns atletas estejam passando mal. Então quanto mais próximo estiver da realidade, melhor”, conta.
Em algumas semanas, voltaremos com mais detalhes da preparação de Blade para o Mundial. Fique ligado!

Sobre combat@123

Check Also

VEJA A PROGRAMAÇÃO

Primeiro Boxing For You de 2020 traz Rose Volante e medalhistas olímpicos no card principal   …