sábado , 30 maio 2020

PPink Punch19 – Confira como foi o primeiro evento nacional exclusivo de Boxe feminino

Texto: Andressa Rufino              Fotos: PINCK PPUNCH19 Divulgação

 

 

 

Pela primeira vez, o Boxe feminino teve uma noite de gala ao estilo Las Vegas. O Museum Food Park recebeu no dia 26 de outubro o PPink Punch19 – primeiro evento nacional de Boxe exclusivo para mulheres.
Idealizado por Loren Capecce, medalhista panamericana de Boxe e tetracampeã brasileira, o evento reuniu cerca de 600 convidados, incluindo fãs da modalidade, artistas, treinadores e alguns ícones do Boxe brasileiro, como o tetracampeão mundial Acelino “Popó” Freitas.

“Fazer com que as garotas fossem protagonistas da noite foi um sonho realizado. O evento teve um card maravilhoso, lutas de alto nível. Todas lutaram com muita garra e coração, prendendo os olhos do público. Foi um sucesso!”, contou Loren, que tem 17 anos de Boxe no currículo, um cartel de 190 lutas e apenas 8 derrotas.
O PPink Punch19 teve 5 lutas amadoras e uma profissional, valendo um cinturão do Conselho Nacional de Boxe. Buscando fomentar a nova geração de mulheres nos ringues, a primeira luta do dia foi um combate infantil de Maria Eduarda contra Giovana Santos, que terminou com vitória por decisão unânime para a jovem Duda. Em seguida, Tailine Gaioski venceu, também por unanimidade, Liliane Aparecida.

Em um combate equilibrado que terminou com decisão dividida dos árbitros, Lila Furtado derrotou Thaís Cristina. Já Isabella Costa saiu vitoriosa do ringue no combate contra Isa Libramento. Na disputa entre Bia Molina e Geysa Vitorino, melhor para a primeira, que conseguiu a maioria dos votos. E no combate principal da noite, Simone Silva conquistou o título brasileiro na categoria Super Galo ao vencer Caroline Foro.

“Estar à frente dessa iniciativa e ajudar a valorização da mulher no ambiente esportivo não tem preço. Já estamos nos preparando para 2020 e podem ter certeza de que traremos novidades que vão deixar o público de queixo caído”, ressaltou Loren.

O evento também realizou uma ação social aproveitando a campanha do Outubro Rosa de prevenção ao câncer de mama. O PPink Punch apoia o projeto Mamas do Amor, que pretende doar próteses externas de alpiste, confeccionadas manualmente, para mulheres mastectomizadas por todas as UBS’s do Brasil gratuitamente. Expectadores, patrocinadores e benfeitores fizeram suas doações em dinheiro ou oferecendo meias ¾ feminina cor de pele ou alpiste para elaboração das próteses.

 

Jaque Khury, ex-BBB, hoje no Fisiculturismo e seu namorado Renzo Zorzi.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O ex-senador Eduardo Suplicy, ex praticante de Boxe e um entusiasta da modalidade, também prestigiou o evento.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O público do PPINK Punch 19 lotou todas as dependências do evento.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Loren Capecce, organizadora do evento, e o vereador pelo Município de São Paulo, Caio Miranda.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Caroline Foro, à esquerda, e Simone Silva, a vencedora da luta profissional.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O consagrado árbitro Júlio Salomão, a atleta Simone Silva e Geyza Caryny Requerme, Presidente do CNB.

Sobre combat@123

Check Also

Treino de campeã

Um dos maiores nomes do Boxe profissional feminino brasileiro, Rose Volante pega pesado dentro e …